terça-feira, agosto 07, 2007

LUA

Lá fora a lua, mostra um mundo calmo
E a maioria dos olhos triscam nela
E as bocas que nunca a beijaram
Saltitam no gargarejo, gritando por ela.

Lua que no céu flutua! E vai
Em passos lentos seguindo os mesmos passos do sol
E acompanhada de estrelas, por sabê-las
Até pelo nome, que todas descem onde ela cai.

Lua que nos dar o luar! Ofuscado da luz nascente
Ó quão sonhador seria, se minha namorada fosse,
Quem aqui na terra, ao te ver não se arrepia,
Não se engana todo, não ganha o seu dia,
Estrela que chamada, em seu nome seria mais doce.

Lua que prometeu dar-se a mim em casamento,
Peço-te agora, leva-me como um teu rebento,
Finca-me no teu regaço, deixa as intenções de amar
Comigo que já me tenho disperso por este momento.

Lá fora o luar, a lua aberta em leque
Um fogo brando que só a gente aquece,
Lança-nos a dentro um aroma destilado
Criado de sua boca, pelo seu amor tão leve.

10 comentários:

Jana disse...

belissimos versos

beijos

bettips disse...

Um poeta da língua e dos afectos. Obrigada pela tua passagem e palavras rimadas, lindas! Abç

diovvani mendonça disse...

Lendo seu poema, lembrei-me de uma música da qual gosto muito "Lua, mande a sua luz prateada / despertar a minha amada / Quero ... / Cante por mim / Nem a lua tem pena de mim / Pois ao ver que quem te chama sou eu / Entre a neblina se escondeu"

AbraçoDasMontanhas.

P.E. Acessei seu blog, através de um comentário que você deixou no blog da Sayô. Como você, eu também sou fã do Quintana - o homem que fez ninho no coração da gente e até hoje anda passarinhando em muitos pensamentos, né?

naenorocha1@hotmail.com disse...

Diovani, muito obrigado pela visita. Nós que nos intitulamos, porque o nome que se dá é este, poeta, somos passíveis sim, de fazermos algo que lembre outro algo. Principalmente se o tema é o mesmo. Já se fez muito, muita coisa escrita, que já nos transitamos pelas idéias da inspiração.
A Sayô faz um trabalho maravilhoso. Uma artesã, uma garimpeira de coisas bonitas que, como quem brinca de boneca, a enfeita, e torna a coisa outra, que se pode até mudar de nome.

Um abraço
Naeno

Ricardo Rayol disse...

Lua enluarada
enluado crescente
deite mormente
a luz em meu leito.

Gostei demais.

Blogue da Magui disse...

O sonho de todo homem é ser rebento de uma mulher.Bingo!

Kall disse...

Lua,amor paixão desejos tesão,parceria sintonia mais que perfeita...sem palavras so suspiros Naeno querido.
Bjosss e que a semana seja iluminada qto a sua lua.

ci disse...

k bela é a tua lua...:)

beijos incomuns da ci

aNNaFLaVia disse...

Já ouviu a nova música dela?
"Na imensidão da manhã
Meu amor se mudou pra lua"
. É linda.

Assim como esses seus versos.

Beijo

anne disse...

Muito bonito Naeno, adorei tb o lay, ficou belo, digno de tuas palavras. Beijo meu.

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping