quinta-feira, dezembro 14, 2006


CANTA
à Ellis Regina

Canta mais, que mais bonita
Que a canção, é a tua voz
É o que de nós reflete em ti.
Canta um canto, que no entanto,
Seja tudo o que tu fostes,
que exprima o teu cantar.

Canta a canção do dia,
Que pela noite vai,
Canta o mais que eu possa ouvir,
Canta o amor pra eu sentir.

O teu canto se mistura
Com o suor de nossas vidas,
Nos telhados, nos porões.
O sentido que caminhas,
Nos vem tão devararinho
E aumentando a tua voz.

Rasgando a noite e o dia,
Cruzando esses portais,
E o quanto mais eu possa ouvir,
Canta a dor pra eu sentir.

Quando o mar guardar a semente,
Do teu canto, eternamente
Todo o mundo vai cantar.
O mesmo canto, amigo,
Que eu já ouvi cantar.

Noita afora,
Em pleno dia,
Em todos os rumos
Desta vida.
naenorocha

3 comentários:

Sergio disse...

Olá, Naeno!

Elis se tornou inesquecivel mesmo...25 anos depois ainda é considerada a melhor interprete da MPB...dificl bater. Como sempre belos poemas, voce consegue captar a alma da palavra.

Um abraço

Anônimo disse...

Olá Naeno, obrigado pela visita e pelo comentário. E gostei mesmo desse teu poema para a Elis, parabéns.
Grande fim de semana.
Espelhodesombras.

Jana disse...

Lindissimas palavras, lindos versos e lindo conjunto...

Beijos

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping