terça-feira, dezembro 19, 2006

TODA AMETATE É SAUDADE

autoria ARCANJO POETA

Sem você sou apenas metade
E a metade que fica; é apenas lembrança
Mas toda metade é saudade
É metade triste, metade esperança

Metade medo, metade coragem
Sem distinção de raça, credo ou idade
Se não a tenho, te invento, vejo miragem
Eternos cúmplices em laços de amizade

Que não demores, pois há tempos te espero
Vem depressa, vem sem demorar
Você meu amor, és tudo o que quero
Venha, e deixa-me te amar

Serei para sempre teu confidente
Venha e abençoada será nossa união
Sem medo do futuro, passado ou presente
Um conto-de-fadas, poesia e canção

* em homenagem a minha Carol

Um comentário:

Camille disse...

Essa coisa da metade é interessante- tem uma poesia do Fernando Pessoa que diz" para ser grande se inteiro"... ( se nao me engano)É tambem uma verdade. Mas quando a gente ama alguem parece que pega mesmo a metade e dá para o outro de presente. E aí fica pela metade. Bela poesia,
Camille

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping