quarta-feira, outubro 04, 2006

















IDAS E VINDA

Venho de outros cumes, de outras vidas,
tempos de outrora, dias já afastados,
eras findas, distantes, e perdidas,
eras e eras da mais dura saudade.

E ainda agora, as feias horas, descabidas,
em pesadelos, perversos, agoniados,
invadem-me no instinto das outras vidas,
que eram outros homes de mim alimentados.

Venho de rumos, infinitos, traiçoeiros,
onde gemem na luz, mais prisionieiros,
espíritos de esperanças derradeiras.

Vou para mundos onde a luz se derrama,
pela graça de Deus, a mais acesa chama,
sempre a ascender, à perfeição, rumando.

naeno:041006

2 comentários:

Abi disse...

This dog, is dog, a dog, good dog, way dog, to dog, keep dog, an dog, idiot dog, busy dog, for dog, 20 dog, seconds dog! ... Now read without the word dog.

poemusicas disse...

uma resposta desnecessária:

Caro Abi,

Não me ofendi com o teu comentário. Julgo tratar-se de um insano, não pelo fato de ter mostrado nennhum entusiasmo com relação aoa meu trabalho. Mas por agires como o animal, insensível, e desmotivado para a compreensão mais abalisado do qeu vê. Um reles um infortunado da vida, uma sobra a ser jogada, logo fora. Estrangeiro também, com relação à razão, ao bom senso, à vida. deprezível. Não o teu comentário, o qual levarei em conta, mas com relação à acolhida que o mundo te concedeu. Dog, apenas um cachorro.

naeno

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping