quarta-feira, novembro 22, 2006


PRIMAVERA

Quando a Primavera chegar,
Eu vou querer estar vivo,
Para ver se as flores renascerão do mesmo jeito,
E as árvores se vestirão de um verde igual
E se eu tenha alguém a quem entregar rosas.

E ver nos olhares que se apaixonam
Se é o mesmo amor que os incendeia
Quando a primavera mudar o tempo,
Quero ver se tempo terá outra tendência,
Se não preferirão rosas verdes, e cinzentas,
E árvores de caule vermelho e folhas amarelas.
Se a ordem do tempo, não se desdobrará
Em mais um mandamento, e vários fatos.
Quando na próxima primavera
Eu estiver sozinho, estarei acompanhado,
Quando eu estiver com alguém estarei largado.
Ou para contrariar todas as previsões,
Que se fez, a Primareva vir,
Igual, com o mesmo clima, o mesmo aroma,
Com as rosas absolutas, iguais.
As árvores frondosas cantando,
A canção da Primavera.

naenorocha

6 comentários:

polly disse...

sua pagina e muito bonita Naeno!!! parabens!! e os textos...sao de sua autoria???? muito legal!!
obrigada pelos comentarios na minha pagina...
x0x0x0x0x0

bye!!!!!!!!!

Ela disse...

Nossa, tudo de sua autoria?
Tá de parabéns!
Obrigada pela visita!
Até mais.

Sarah disse...

o igual sendo sempre diferente, assim a natureza se manifesta ... surpreendendo sempre!
:-)
bjs!

Adriana disse...

Aloha!!!
Bom dia.
Nossa, queria dizer coisas tao lindas como a que vc escreve! Mas infelizmente não tenho esse dom.
Tenha um ótimo dia!

Anônimo disse...

Bons dias...
O fantástico da natureza são os seus fenomenos ciclicos mas sempre diferentes.
beijo

Ursula disse...

Nossa, muito bonito.
Beijos

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping