quarta-feira, novembro 08, 2006



SEMPRE TE AMEI

Basta que saibas, que a ti somente,
que a ti somente, Flor, adorei,
meus olhos dizem constantemente,
Formosa, eu sempre, sempre te amei.
Do teu sorriso terno, divino,
cativo, humilde, sempre serei
por isso eu digo não me domino
Formosa, eu sempre, sempre te amei.

Se um dia, em febre, de amar na lira,
os teus encantos feliz, cantei,
é que minh'alma, dizer-te, ouvira,
Formosa eu sempre, sempre te amei.
De amar-te em sonho, um só momento,
um só momento, sequer, deixei,
por isso eu digo, sem fingimento,
Formosa, eu sempre, sempre te amei.

Por toda parte, rindo ou chorando,
chorando ou rindo, te seguirei,
dizendo mesmo, de quando em quando,
Formosa, eu sempre, sempre te amei.
Pouco me importa que o mundo louco
me chame e diga que eu sempre errei,
o mundo é velho, caduca um pouco,
e eu sempre, sempre, sempre te amei.
naenorocha

2 comentários:

Monka disse...

Nossa...o que dizer disso que acabo de ler aqui...
" que sempre te amei"...mesmo só conhecendo as letras mais lindas de tuas poesias mais porfundas...

Bjokas carinhosas.

(L)oca disse...

que lindas palavras de amor...

TERESINA

Sign by Dealighted - Coupons & Discount Shopping